Notícias

Proteínas produzidas pelo corpo humano são capazes de controlar o HIV - 08/03/2012

O "interferon", uma proteína antiviral produzida pelas células do sistema imunológico, é capaz de controlar o vírus que causa a AIDS, após a descontinuação da terapia antirretroviral em pessoas soropositivas, de acordo com um estudo clínico apresentado nos Estados Unidos.

"Nossos dados mostram que a resposta do sistema imunológico pode ser adaptada para controlar o HIV (o vírus da imunodeficiência humana) em pessoas que perderam essa capacidade, caso a produção natural de interferon seja mantida", explicou o professor Luis Montaner, diretor do Instituto Wistar, da Universidade da Pensilvânia (leste dos EUA), responsável pelo teste clínico.

Os resultados desta pesquisa, realizada em 20 pacientes, estabelecem a prova de que esta abordagem para o controle do HIV é teoricamente possível, afirma em um comunicado.

"E, embora haja ainda muito o que fazer para alcançar esses primeiros resultados clínicos, acredito firmemente que podemos esperar o dia em controlaremos e erradicaremos o HIV sem antirretrovirais", acrescentou o pesquisador.

Luis Montaner apresentou os resultados deste teste clínico na Conferência Anual sobre Retrovírus (CROI), principal fórum de pesquisa global sobre a Aids, que se reúne nesta semana em Seattle (estado de Washington, noroeste).

Para este estudo, os pesquisadores utilizaram interferon Alpha na forma de medicamento, o Peg-IFN-a2A, permitindo reduzir a carga viral do HIV em nove dos 20 pacientes que participaram do teste clínico, resultado que nunca foi obtido sem antirretrovirais.

"Nenhum outro teste clínico conseguiu reduzir esta carga viral em pessoas infectadas com o HIV", ressaltou o professor Montaner.

 

Uol Noticias