Notícias

Pivô de polêmica, ator pornô refaz teste e constata não ter HIV - 03/09/2011

Derrick Burts, que em 2010 descobriu ter o vírus HIV, virou defensor do uso de camisinhas em filmes pornôs

 

O ator pornô que paralisou a indústria do gênero no início da semana após ter testado positivo em exame de HIV não é portador do vírus. Ao menos foi o que disse um segundo exame, cujo resultado foi divulgado neste sábado (3). As informações são da agência de notícias Associated Press.

» Alugue ou Compre Vídeos no Terra Video Store

"Seremos abundantemente cautelosos enquanto procuramos pelo motivo para o resultado falso-positivo do teste realizado anteriormente", afirmou Diane Duke, diretora-executiva da Free Speech Coalition - associação que reúne as principais produtoras e websites da pornografia norte-americana -, que se recusou a dizer o nome do envolvido.

Desde segunda-feira (29), as produções no Vale de São Fernando, centro multibilionário da indústria de filmes pornográficos dos Estados Unidos, foram paralisadas. A decisão se deu após o anúncio do resultado do teste do ator, que estava pronto para atuar em um trabalho para a Mofos, na Flórida.

Em 2010, ocorreu caso semelhante, quando o astro Derrick Burts foi diagnosticado com o vírus. No entanto, na ocasião, a contaminação foi de fato confirmada. Desde então, o ator se tornou um dos principais porta-vozes da luta pela obrigatoriedade do uso de CAMISINHA nas produções do gênero.

Fonte: AGÊNCIA DO GOVERNO DO PARÁ |